Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Sobre esta fabulosa obra de Quintiliano, também conhecida por Institutio Oratoria, muito poderia eu escrever, mas existem, essencialmente, dois elementos que eu gostaria de deixar mencionados por cá.

 

No livro X (de XII) o autor menciona diversos autores que deveriam ser lidos. Além dos óbvios Homero, Vergílio e Cícero, são mencionados muito outros que certamente merecem ser explorados, apesar de muitos deles apenas sobreviverem em fragmentos.

 

No contexto deste blog, achei interessante mencionar algumas palavras do autor no livro III, relativas à forma como os deuses devem ser mostrados e elogiados. Aqui ficam, em tradução inglesa:

 

In regard to Jupiter, for instance, his power in ruling all things is to be extolled; in regard to Mars, his supremacy in war; in regard to Neptune, his command of the sea. In respect to inventions, we extol, in praising Minerva, that of the arts; in praising Mercury, that of letters; in praising Apollo, that of medicine; in praising Ceres, that of corn; in praising Bacchus, that of wine. Whatever exploits, also, antiquity has recorded as performed by them, are to receive their encomium. Parentage, too, is a subject of panegyric in regard to the gods, as when any one is a son of Jupiter; antiquity, as to those who were sprung from Chaos; and offspring, as Apollo and Diana are an honor to Latona. We may make it a subject of praise to some that they were born immortal, and to others, that they attained immortality by their merits, a kind of glory which the piety of our own emperor has made an honor to the present age.

fonte: link

 

De modo geral, esta é uma obra extremamente interessante, daquelas que qualquer estudante de Clássicas deveria ler (e não só...), mas também tenho a clara certeza que, muito infelizmente, serão muito poucas as pessoas que alguma vez a irão sequer abrir...

Autoria e outros dados (tags, etc)



Espaço da autoria de Ovídio Silva (Doutorando em Clássicas), e dois anónimos interessados nestes temas.


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

  Pesquisar no Blog