Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Apesar de toda a história de Prometeu ser extremamente conhecida, algo em que eu nunca tinha pensado (e presumo que o mesmo se passe com os possíveis leitores) era a razão do castigo que lhe foi dado por Zeus. Sim, claro, Prometeu deu o fogo aos Homens, enganou Zeus na questão dos sacrifícios, mas porquê este castigo de ter o seu fígado devorado diariamente, e não um qualquer outro?

 

Aparentemente a razão é revelada em Dos Rios, de (Pseudo-)Plutarco, quando este cita uma (hoje perdida) Teomaquia de Cleantes. Segundo este autor, após a guerra dos deuses contra os gigantes Cronus transformou-se num crocodilo, matou um pastor (de nome Cáucaso) e usou as suas entranhas para adivinhar o futuro. Foi-lhe revelado que os deuses estavam por perto, e o titã foi rapidamente capturado por Zeus, que o prendeu no Tártaro. Depois, o falecido pastor foi honrado por Zeus dando o nome ao monte onde estes eventos tomaram lugar, provindo o castigo de Prometeu do macabro acto aí perpetrado.

Licença Creative Commons

Autoria e outros dados (tags, etc)



Espaço da autoria de Ovídio Silva (Doutorando em Clássicas), e de um anónimo interessado nestes temas.



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

  Pesquisar no Blog