Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A pedido de um colega foi disponibilizada uma tradução de um novo texto, a "Destruição de Tróia", também conhecido por "Excidium Troiae". Desconhecemos a autoria do texto, mas parece ter tido um intuito pedagógico, como se torna fácil de compreender através de algumas das suas linhas. A trama começa no casamento de Peleu e Tétis, prolongando-se até aos primeiros imperadores de Roma e à morte de Jesus Cristo. Contudo, esta vasta temática é bastante enganadora, já que os episódios retirados da "Eneida" (que o autor até cita repetidamente) ocupam bem mais de metade da obra, com cerca de 13 páginas a relatar o início da guerra até à morte de Aquiles, e menos de três a nos contarem o que teve lugar depois das aventuras de Eneias, tendo o épico de Virgílio um inegável papel principal.

 

Existem alguns elementos mitológicos que apenas são referidos aqui e para os quais não nos chegaram quaisquer outras fontes, mas há que ter em conta um outro aspecto curioso - tratando-se, como já foi referido, de um texto didático, existem múltiplos momentos em que são feitas questões ao leitor, tentando assegurar que ele ainda não está a dormir, ou oferecendo algumas explicações acessórias aos mitos, que nos ajudam a que eles possam ser compreendidos de forma mais completa.

 

Finalmente, fale-se da sua potencial autoria. Seria demasiado fácil vê-lo como um texto puramente medieval, mas uma tal hipótese implicaria a existência de um autor com um conhecimento impressionante dos mais diversos textos da Antiguidade, sendo por isso mais provável que se trate de uma criação, pelo menos em parte, dos segundos cinco séculos da nossa era.

 

Quem estiver interessado neste texto pode agora lê-lo, em tradução inglesa (continua a busca por um tradutor que fale português...), neste link.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Espaço da autoria de Ovídio Silva (Doutorando em Clássicas), e de um anónimo interessado nestes temas.
Licença Creative Commons



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

  Pesquisar no Blog