Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Esta obra de Trifiodoro, como o próprio nome já dá a entender, fala da queda de Tróia, também conhecida como Ílion ou Ílios (entre vários outros nomes). O autor começa por recordar os episódios da guerra, a que se segue uma sucessão dos episódios da própria queda da cidade. Porém, esta obra talvez seja mais conhecida pelo episódio do cavalo, cuja construção Trifiodoro aqui descreve de uma forma bastante detalhada.

 

Se, de um ponto de vista literário, esta obra nem é nada de muito significativo, parece-me ser essa descrição da construção do cavalo, em cerca de 50 versos, que lhe dá alguma importância, já que, apesar de serem incontáveis os autores que mencionam a forma do artifício usado pelos gregos para a invasão de Tróia, este parece-me ser um dos que o faz de uma forma mais detalhada.

Licença Creative Commons

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Sem imagem de perfil

De André Mendes a 12.12.2014 às 20:41

Boa Tarde,

Estou interessado em saber mais algumas informações acerca dos detalhes sobre a construção do Cavalo de Tróia, por ventura, não têm nenhuma dessa informação em PT?

Continuação de um excelente trabalho,

Cumprimentos
Imagem de perfil

De alguém a 15.12.2014 às 23:16

Caro André,

A construção do Cavalo de Tróia é mencionada por incontáveis autores, muitas vezes com características divergentes, o que torna difícil compreender toda a sua construção. No entanto, as obras de Trifíodoro (versos 57 a 119) e Quinto de Esmirna (livro XII, versos 122 a 156) são aquelas que apresentam essa construção de uma forma mais detalhada.

O problema prende-se, porém, com encontrar esse conteúdos em Português. É provável que até existam em Português do Brasil, mas não conheço, até este momento, nenhuma tradução dessas obras para este idioma. Existem, no entanto, diversas traduções pelo menos para Inglês, Francês, e Espanhol.

Comentar post



Espaço da autoria de Ovídio Silva (Doutorando em Clássicas), e de um anónimo interessado nestes temas.



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

  Pesquisar no Blog