Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



No seu texto sobre o porquê dos deuses demorarem a punir os malfeitores, mais um que faz parte da Moralia, Plutarco refere a história de um tal Tespésio de Soli, que após uma vida atribulada teria "morrido", voltado à vida, e contado aos seus amigos o que tinha visto. Não irei, obviamente, tentar resumir este obscuro relato, muito menos conhecido que os de Homero, Platão ou Cícero, mas quem o quiser ler poderá fazê-lo, em tradução inglesa, aqui, no longo parágrafo 22.
Licença Creative Commons

Autoria e outros dados (tags, etc)



Espaço da autoria de Ovídio Silva (Doutorando em Clássicas), e de um anónimo interessado nestes temas.



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

  Pesquisar no Blog