Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Raposa e cão

São, cremos, 42 as fábulas que se apresentam na colectânea de Aviano, quase todas elas com morais já directamente associadas. Entre elas contam-se algumas bastante famosas, como a da cigarra e da formiga, e outras que, apesar de menos conhecidas, são igualmente belas. Parafraseamos uma das que nos pareceram mais interessantes:

 

Dois grandes amigos decidiram empreender uma grande viagem. Enquanto caminhavam por uma floresta, viram uma ursa a aproximar-se. Um deles rapidamente subiu a uma árvore, enquanto que o segundo, incapaz de o fazer, se deitou no chão e fingiu-se de morto. Aproximando-se, a ursa pareceu passar muito tempo perto dele, segredando-lhe até aos ouvidos. Depois, afastou-se. O primeiro amigo desceu da árvore e perguntou-lhe, de forma curiosa, o que a ursa lhe tinha dito. Nada de muito complicado, apenas "cuidado com aqueles que se afastam quando mais precisas deles".

 

Fica então essa fábula, e esse conselho, primeiro preservado nas linhas de Aviano.

Licença Creative Commons

Autoria e outros dados (tags, etc)



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

  Pesquisar no Blog