Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Com aproximadamente 4500 anos, As Instruções de Xurupaque é um pequeno texto em que esta figura tentou deixar ao seu filho, Ziusudra, um conjunto de lições que pensava ser importante deixar-lhe. De um ponto de vista mitológico esta atribuição tem algum interesse porque Xurupaque teria sido o último rei local antes do dilúvio universal, enquanto que Ziusudra teve um papel importante nesse evento, construíndo uma arca (semelhante à da história do "nosso" Noé) e, por isso, tratando-se de uma figura privilegiada na preservação do conhecimento. Mas que conselhos, afinal de contas, decidiu ele deixar ao seu filho? Aqui ficam alguns dos exemplos mais curiosos e relevantes para os nossos dias:

 

  • Não construas a tua casa próxima da praça pública - existe sempre muita gente por lá;
  • Não deverás roubar nada;
  • Um ladrão é um leão, mas depois de ter sido apanhado será um escravo;
  • Não deverás divertir-te com uma jovem casada; as calúnias poderão ser sérias. [E por isso] Não deverás sentar-te sozinho num quarto com uma mulher casada;
  • Não deverás falar de forma imprópria, poderá ser perigoso para ti mais tarde;
  • Não deverás violar a filha de ninguém, porque os tribunais irão saber disso;
  • Quando se trata de dar o pão de outra pessoa, é muito fácil dizer "sim, vou dar-to", mas o tempo que este toma a realmente ser dado pode estar tão distante como o céu; Se seguires o homem que te disse isto [i.e. "vou dar-to"], ele irá dizer-te "Agora não te posso dar, já acabou";
  • Não deverás tomar decisões quando bebes muita cerveja;
  • O Destino é como a margem de um rio, pode fazer-nos escorregar;
  • O irmão mais velho é como um pai; a irmã mais velha é como uma mãe. Por isso, ouve o teu irmão mais velho, e sê tão obediente à tua irmã mais velha como se ela fosse a tua mãe;
  • Não irás multiplicar as tuas posses usando apenas a tua boca;
  • Um coração com amor mantém uma família; um coração com ódio destrói-a.

 

Como é fácil ver, muitos dos conselhos presentes na obra ainda se aplicam aos nossos dias, mas resta é saber se os leitores de hoje estão realmente dispostos a ouvir a sabedoria de outros tempos...

Licença Creative Commons

Autoria e outros dados (tags, etc)



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

  Pesquisar no Blog